quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

feelings where are they?

Falta tão pouco pros meus sonhos caírem por terra’ na verdade já caíram não sei o que acontece me sinto sem alma todos a minha volta perdem a graça cada minuto equilave a apenas cada minuto nem mais rápido nem mais lento apenas normal o que pra mim se torna anormal eu me pergunto onde estão as borboletas os diamantes o pote de ouro no fundo do arco-íris e ate mesmo o querido velinho (cujo nome  papai Noel) todos eles perderam a graça... todos os natais eu fico na janela contando as janelas enfeitadas mais esse ano não encontro a mesma graça’ talvez eu devesse pedir sentimentos a quem quer que seja que me da presentes, me sinto inútil perto das pessoas elas recorrem a mim pra falar de dor e eu apenas não sei do que ela falar, pessoas recorrem a mim pra falar de felicidade e eu não sei o que é  não reajo mais as emoções e tudo que eu sinto e NADA, já se tornou cômodo me sentir assim como se eu apenas estivesse vivendo o que eu tenho que viver não aproveito apenas vivo, me pergunto se isso e errado mais meu censo de realidade anda tão confuso com a falta de sentimentos que apenas continuo sem direção em meio a neblina de pensamentos que insiste em me incomodar.
OBS: queria poder para o tempo e consertar meus erros’ e ter de volta meus sentimentos, não que as pessoas mereçam isso apenas seria melhor pra mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário